Energias renováveis

As energias renováveis na Suíça vêm ganhando uma importância cada vez maior desde há alguns anos. A maior porcentagem cabe à energia hidráulica.

Barragem nos Alpes
Barragem de Grande Dixence, Valais. © Hanspeter Baertschi

Os tipos de energias renováveis mais importantes produzidos na Suíça são a energia hidráulica, a energia solar, a energia geotérmica (bombas de calor), a biomassa (madeira), a energia eólica e a incineração de resíduos. Em 2015, a sua porcentagem no consumo total correspondia a 23%. Em 1990, a porcentagem de energias renováveis no consumo total era somente 15,8%. Até 2006, esta porcentagem manteve-se estável, tendo aumentado rapidamente de seguida. Entre 1990 e 2015, o consumo de energias renováveis aumentou para 53%. 

A área das energias renováveis na Suíça é claramente dominada pela energia hidráulica. Em 2015, correspondia a 61,4% da energia produzida na Suíça, seguida pelo aproveitamento de madeira (16,4%), pela incineração de resíduos (11%), pela energia geotérmica (6,2%), pela energia solar (2,8%), pela energia eólica (0,2%) e pelo biocombustíveis (0,1%). 

Em 2015, a porcentagem de energias renováveis no consumo total na Suíça correspondeu a 23%. É claramente superior ao valor médio europeu (16,7%) mas inferior à Finlândia (39,3%), Suécia (53,9%) ou Noruega (69,4%). A Suíça definiu como objetivo aumentar a porcentagem de energias renováveis no consumo total de energia para, pelo menos, 50%, entre 2010 e 2020.